Criança de 5 anos perde a vida, causa: uma planta que todos temos em casa. Confira!
Gostou ?

Esteban, de apenas 5 anos, brincava dentro de sua casa em Rolândia-Pr, quando se sentiu mal e procurou a sua mãe, que pensou que com algumas carícias acalmaria o pequeno.

Algumas horas depois, o desconforto agravou-se, obstruindo parcialmente a sua respiração. Foi quando a mãe dele decidiu chamar uma ambulância para levá-lo para o hospital.

Angustiada, a mulher não entendia o que se passava, até que o médico saiu para lhe dar as más notícias: o seu filho tinha morrido por intoxicação. O médico pediu à mãe para fazer um teste de sangue para analisá-la e determinar a causa da sua morte.

No seu sangue encontraram uma toxina potente chamada oxalato de cálcio, que se encontra na planta amoena (comigo ninguém pode).

Foi assim que a mãe descobriu que o esteban morreu por comer a folha de uma planta que achava inofensiva. Esta planta, cabe ressaltar, é muito usada para decorar o interior das casas em todo o mundo.

Toxicidade

As células do caule e folhas das plantas deste género contém cristais aciculares de oxalato de cálcio chamados ráfides. Se as partes da planta que contém ráfides forem ingeridas, os cristais perfuram as mucosas, causando ardor na boca e garganta.

Do ataque mecânico em geral resulta inflamação e o desencadear dos mecanismos de resposta imunitária, levando à formação de edema, que pode ser severo, o qual em humanos em geral leva à perda temporária da voz. Daí que estas plantas recebam no sul dos Estados Unidos da América, onde são comuns, o nome de dumb-cane (cana-do-mudo). O inchaço pode ser fatal se levar ao bloqueio dos canais respiratórios.

Esta capacidade da ingestão irritar as mucosas foi utilizada como forma de punir os escravos, em cuja boca eram colocadas folhas de Dieffenbachia. Estão descritos numerosos acidentes domésticos, envolvendo bebés e crianças muito jovens, resultantes da ingestão ou simples introdução na boca de folhas de plantas decorativas do género Dieffenbachia, por vezes tendo levado à morte por edema da glote. A mesma situação está descrita para gatos domésticos que adquiriram o hábito de roer a plantas.

Compartilhe com seus amigos que tenham dessas plantas dessas em suas casas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, escreva seu comentário!
Digite seu nome aqui